domingo, 15 de julho de 2007

Minha nada mole vida

Ontem tive meu momento mulherzinha...
Para quem é do sexo feminino, sabe do que estou falando. Tirei o dia para tratar de mim, ir ao salão fazer as unhas, cortar o cabelo, fazer escova, enfim cuidar do layout, ou melhor, elevar minha auto-estima.
Quem é que não gosta (de vez em quando...) de tirar uma tarde de princesa.
Eu adorei!!!
Estava precisando relaxar um pouco, nem que fosse lendo umas revistas de fofoca ou ouvindo conversas alheias... Salão tem disso. Você fica sabendo dos babados novos, e nem sempre consegue saber quem são os figurões da história. Mas e daí, só de saber que todo mundo é igual a gente faz um bem danado.
Estava precisando mesmo sair. Nem bem começaram as férias e eu já estou arrancando os meus cabelos.
Duas crianças em casa, sem empregada para ajudar (a danadinha me pediu pra tirar uns dias para se cuidar também), eu já estou até prevendo o resultado final destas férias. Estarei acabada, estafada e maluca ou na melhor das hipóteses, terei perdido uns quilinhos, o que nunca é demais.
Sim, porque acompanhar dois meninos (um de 7 e outro de quse 2) não é moleza. Jogar bola todo dia, correr no parque de bicicleta, apartar as brigas, preparar almoço, arrumar a casa, dar banho, limpar banheiro, ufa! não é tarefa das mais fáceis.
Por favor, torçam para que tudo dê certo. Não estou no pan, mas esta maratona pode acabar comigo.

Um comentário:

Julia disse...

Nossa, Andréa, ler a sua nada mole vida é quase como ler a minha!Dei boas risadas do quanto meu dia a dia parece com o seu! Adorei o seu blog, vou ler sempre e de vez em quando comentar também.Boa sorte com as férias e obrigado pela visita ao meu espaço!